terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

OUTUBRO, MÊS DA BIBLIOTECA ESCOLAR

Ao longo do mês de Outubro o CREPT levou a cabo um projecto que teve como objectivo comemorar o “Mês das Bibliotecas Escolares”. Assim, efectuaram-se várias actividades que envolveram a comunidade educativa – Pedipaper, Marcadores de Livros, Viajando pelas bibliotecas, Exposição: Eu e o CREPT, O Louro e a Lady trazem um conto.

PEDIPAPER

 

Todos os alunos do 5.º ano, acompanhados pelos professores de Estudo Acompanhado, realizaram um Pedipaper intitulado “Uma Aventura no CREPT” com a finalidade de os tornar frequentadores conscientes e interventivos.

Durante a actividade foi-lhes apresentado um pequeno filme que os elucidou sobre as valências deste espaço educativo, o tipo de acções concretizadas e a importância do trabalho colaborativo entre todos os actores educativos.


Ao longo da tarefa, os alunos ficaram a perceber como funciona o CREPT, os recursos disponíveis e equipamentos que podem utilizar nos momentos de trabalho e de lazer.
No final, todos os alunos receberam um livro no âmbito do Plano Nacional de Leitura.


Da avaliação feita por todos os participantes concluiu-se que esta actividade atingiu plenamente os seus objectivos

VIAJANDO PELAS BIBLIOTECAS


    Durante a última semana de Outubro os alunos que frequentaram o CREPT puderam assistir à apresentação de pequenos filmes lúdicos – intitulada “Viajando pelas bibliotecas” – que deram a conhecer não só vários tipos de bibliotecas como diferentes formas de estar nesses espaços e também novas tecnologias postas ao serviço do utilizador.  

 EXPOSIÇÃO – EU E O CREPT


     Os alunos do 5.º H, 6.º A e do 6.º E, orientados pelas professoras Ana Homem, Fátima Nave, Luís Rodrigues, Marta Domingos e Rosa Narciso, realizaram na disciplina de Área de Projecto uma actividade em que mostraram o que pensam e sentem em relação ao CREPT.
     Para eles a biblioteca é:

     “Um lugar onde podemos sonhar.”
    “É o local da descoberta e do divertimento.”
    “Um sítio cheio de fantasia por entre os livros de estudo, os de histórias e os de banda desenhada.”
    “É um sítio onde se pode estudar e pesquisar informação.”
    “É uma fonte de várias aprendizagens.”
    “Um lugar tranquilo para estudar e fazer os TPC.”
    “É um sítio onde a nossa imaginação anda à roda.”
    “Um lugar onde podemos ler e muitas coisas imaginar, tudo podemos aprender e no mundo do sonho entrar.”

            Os trabalhos estiveram expostos no percurso que conduz ao CREPT e puderam ser apreciados pela comunidade escolar.

O LOURO E A LADY TRAZEM UM CONTO


Procurando responder ao interesse demonstrado pelos alunos e professoras das EB1/JI do agrupamento em relação às actividades englobadas no projecto “O Louro e a Lady trazem um conto”, desenvolvidas no ano transacto, as professoras bibliotecárias do agrupamento dinamizaram o conto “Elmer e o grande dia”.


Cerca de cem alunos do 2.º e 3.º ano das EB1 do Bairro Novo, EB1/JI da Quinta da Courela e EB1/JI da Quinta dos Franceses ouviram a leitura dramatizada da história do pequeno elefante aos quadrados coloridos, acompanhada de um PowerPoint. Após recontarem a história, passou-se ao debate do tema: a diferença entre os seres vivos e o viver em sociedade.

De seguida, e dando azo à imaginação, os alunos pintaram numa ficha o “seu” Elmer e realizaram um trabalho plástico colaborativo utilizando materiais de desperdício do qual resultou um novo elefantezinho. Como trabalho subsequente a ter lugar em sala de aula, foram facultadas duas fichas de carácter lúdico de reforço à compreensão e escrita.


Na avaliação das sessões, os docentes salientaram que este tipo de acção “desenvolve capacidades e competências linguísticas” nos alunos, “permite o contacto com diferentes actividades, envolvendo várias áreas” e que “através de histórias aprendem valores, aprendem a ouvir.”
Todos os presentes consideraram a actividade muito interessante e enriquecedora e referiram que gostariam de novas iniciativas deste género.
 
 

Sem comentários:

Enviar um comentário