terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Antémio e o seu amigo, o livro



Antémio e o seu amigo, o livro




Certo dia,

o Antémio não sabia o que fazer.

Sentia-se sozinho

e procurou o seu predileto cantinho.



Procurou o seu amigo,

na biblioteca,

que lhe queria falar

e  que ele, avidamente,

queria as suas palavras abraçar.



Então,

pegou numa almofada colorida

e sentou-se no chão.

Curioso,

abriu o seu amigo livro,

lendo o que ele lhe dizia com atenção.



Subitamente,

ele já não se sentia solitário,

pois entrou no seu mundo imaginário.

E, desta simples forma,

o seu amigo livro

direcionou-o para um novo mundo,

e, após ter findado a sua leitura,

ele acabou por adormecer num sono indescritível:

suave e deliciosamente profundo.

Cristina Pinto, 21-11-2014

Fotografia in: http://www.brilliant-insane.com/2014/06/6-great-books-for-tween-boys.html

Sem comentários:

Enviar um comentário