quarta-feira, 25 de maio de 2016

Poesia - "Pai"



pai

Paizinho, paizão,
Estarás sempre no meu coração.
Velhinho estás a ficar,
Mas nunca vou deixar de te amar.

És muito obsequioso.
Posso não te ter ao meu lado,
Mas de ti sempre ir-me-ei lembrar.

Posso,
Por vezes,
Chatear-te a cabeça.
És um dos meus melhores amigos,
Estarei sempre contigo.

Marta Cravid , 6.ºC

Imagem em:
http://lookdasestrelas.com/?p=813

Sem comentários:

Enviar um comentário